Mutirão para construção da Arena de Teatro da Praça Celso Furtado

Grupo Aliança Libertária Meio Ambiente (Alma Ambiental) e Grupo Dolores Boca Aberta Mecatrônica de Artes e convidam para:

Mutirão para construção da Arena de Teatro da Praça Celso Furtado
&
Formação em Teatro Mutirão

Dias 22, 23 e 29 de Setembro!
Dia 22 no CEU Parque São Carlos.
Dias 23 e 29 na Praça Celso Furtado (espaço coletivo em construção), COHAB II, Itaquera.
Confiram a programação abaixo!

Inscrições: alma.ambiental@yahoo.com.br
Mais informações: Diego 9598-1016.

Programação:
A Formação em Teatro Mutirão terá duas oficinas (dias 22 e dia 23) que vão nos preparar para concretizar o sonho de construir a Arena Arbórea de Teatro de Rua no dia 29 na Praça Celso Furtado!
As duas oficinas serão ministradas por artista do grupo Dolores, cada oficina proporcionará vivências de práticas teatrais e conceitos de organização para o que chamamos de teatro mutirão. Estes encontros prévios ao plantio da Arena e apresentação do espetáculo Sombras Dançam Neste Incêndio servem para esclarecer o intuito do grupo que chega (Dolores) na comunidade afim de uma ação conjunta (Mutirão) mais as características do trabalho que desenvolve em outro ponto da cidade. As duas oficinas também têm a função organizativa para o evento/trabalho conjunto.

As oficinas são:
1 – Iniciação ao Teatro Mutirão – Coordenação Luciano Carvalho (ator e poeta);
Busca apresentar e exercitar algumas das descobertas do grupo Dolores em sua prática artística coletiva. O grande desafio mutirão é integrar grupos capazes de se auto dirigirem. Não significa o revezamento na direção duma atividade, o que também é uma meta a ser conquistada, mas a atuação de todos componentes simultaneamente. Um jogo cênico com regras prévias e ação improvisada ininterrupta. O fazer conjugado e as dinâmicas de exercícios sem coordenação direta na busca de imagens e textos inéditos, criados a partir dos encontros.
O pensamento gerador da arquitetura arbórea, a concepção de artista em periferia, a poesia suburbana, as musicalidades de um bairro, os personagens do todo dia, vida para matéria prima e como enigma, cultura local e intervenção cultural transformando a estética são os elementos abordados neste trabalho.
Data: dia 22/09, sábado, às 14h.
Local: CEU Parque São Carlos.
Rua Clarear, 141 (Região de São Miguel)Vagas: 30.

2 – Arquitetura Viva, a estética arbórea – Coordenação Tita Reis (músico e ator);
Debates a respeito da observação do espaço como sítio cênico possível em localidades desprovidas de casas de espetáculo e construções tradicionais ao aprisionamento da encenação. Libertar o olhar e promover a soltura do fazer teatral. A árvore como teto e sustentação de adereços, cenários e poéticas. Elaborar intervenções artísticas na comunidade junto com os participantes da oficina. Preparo teórico a respeito da composição da futura arena a ser plantada. Organização e divulgação do mutirão de plantio.
Mística sobre o crescimento contínuo e a constante intervenção espacial do objeto vivo. Estética arbórea, Intervenção harmônica e viva do ser humano em espaços físicos e culturais; Atento olhar ao teatro presente, ao teatro possível, ao teatro necessário;
Data: dia 22/09, sábado, às 14h.
Local: Praça Celso Furtado (espaço em construção coletiva) cruzamento da Av. Virgínia Ferni com a Rua Júlio Bala, próximo a Escola Estadual Ruth Cabral Troncarelli, COHAB II (José Bonifácio), Itaquera.

3- Mutirão de Construção da Arena de Teatro da Praça Celso FurtadoLocal: Praça Celso Furtado (espaço em construção coletiva) cruzamento da Av. Virgínia Ferni com a Rua Júlio Bala, próximo a Escola Estadual Ruth Cabral Troncarelli, COHAB II (José Bonifácio), Itaquera.

Coordenação: Grupo Alma Ambiental, Grupo Dolores e Projeto Praça Celso Furtado.

Nesse dia todos estão convidados! A comunidade toda do entorno e os companheiros que quiserem e puderem colaborar pra fazermos o mutirão e levantarmos a Arena de Teatro da Praça Celso Furtado!
Além da construção da Arena será apresentado para comunidade o Projeto da Praça Celso Furtado, desenvolvido em parceria por diversos coletivos, entre eles: o grupo Alma Ambiental, equipe da Geografia da USP, e equipe da Escola Estadual Prof ª “ Ruth Cabral Troncarelli.

Como encerramento da atividade será apresentado o espetáculo “Sombras Dançam nesse Incêndio” do Grupo Dolores.

————————————————————————————————
Esse trabalho é realizado em parceria do Grupo Alma Ambiental e do Grupo Dolores e faz parte do projeto “Teatro Mutirão Pólen, Pólis e Política”, desenvolvido pelo Grupo Dolores Boca aberta Mecatrônica de Artes, com apoio da Lei do Fomento ao Teatro da Cidade de São Paulo.

Saiba mais sobre o projeto Praça Celso Furtado em:
http://www.celsofurtado.blogspot.com/

Saiba mais sobre o grupo Dolores em:
http://doloresbocaaberta.blogspot.com/

Commentários

Diga o que você acho. Seja educado!

Comments:

  • OM yOGA setembro 21, 2007

    Olá equipe almalina, como o no nome da praça ainda não foi definido e realizamos nossa missão na base da ética e do respeito, vamos evitar maiores divulgações do projeto Ocaraçu até que esse mal entendido se resolva. om